Rádio Atalaia FM
Terça, 26 de Janeiro de 2021
82993138001
Brasil COVID-19

Governos do RN e da PB dizem ter identificado 1º caso confirmado de reinfecção por coronavírus no Brasil

Secretaria de Saúde do RN diz que caso foi comprovado por meio da metodologia da Fiocruz por sequenciamento genético. Ministério da Saúde foi procurado, mas ainda não se manifestou. Paciente é uma profissional da saúde de 37 anos que foi infectada em junho e novamente em outubro.

10/12/2020 09h12
4.385
Por: ADMINISTRADOR Fonte: Redação Alagoas Alerta
ACESSORIA
ACESSORIA

Os governos do Rio Grande do Norte e da Paraíba confirmaram nesta quarta (9) um caso de reinfecção por coronavírus através da metodologia da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) por seqüenciamento genético. Segundo o governo do RN, o caso é o primeiro no Brasil a ser confirmado pelo Ministério da Saúde. O Ministério da Saúde foi procurado pelo G1, mas ainda não se manifestou.

A paciente que teve o caso de reinfecção confirmado é uma profissional de saúde de 37 anos de idade, que mora em Natal, e também trabalha na Paraíba, além de atuar no Rio Grande do Norte.

O caso estava sendo investigado desde o dia 23 de outubro, data em que o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde do RN (CIEVS-RN) recebeu a notificação sobre a suspeita.

A primeira infecção dela aconteceu em junho. Após apresentar um quadro de síndrome gripal (cefaleia, dor abdominal e coriza) no dia 17, a paciente realizou o exame RT-PCR na Paraíba em 23 de junho.

O resultado do teste foi positivo e ela se recuperou após período de isolamento recomendado.

A profissional da saúde, no entanto, voltou a apresentar um quadro de síndrome gripal no dia 11 de outubro. Entre os sintomas, estavam astenia, mialgia, cefaleia frontal e distúrbios gustativos e olfativos.

Ela, então, realizou um novo teste RT-PCR no dia 13 de outubro, também no estado da Paraíba, e teve um novo resultado positivo para presença do vírus SARS-CoV2, indicando novamente a Covid-19.

Rio Grande do Norte e Paraíba, então, em conjunto, iniciaram a investigação do caso. As amostras da paciente foram encaminhadas para análise no laboratório da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro.

A Fiocruz é referência para a investigação laboratorial de casos suspeitos de reinfecção pelo vírus SARS-Cov2, segundo o Ministério da Saúde.

O laboratório constatou a presença de linhagens distintas do vírus SARS-CoV2 nas amostras coletadas, confirmando ser um caso de reinfecção, o primeiro no Rio Grande do Norte.

De acordo com a Sesap, há outros cinco casos em investigação. Outros três foram investigados, mas não tinham viabilidade para análise. A pasta informou que conta com um protocolo para investigação de possíveis casos de reinfecção desde o dia 20 de outubro.

Casos de reinfecção por Covid-19 no RN

Casos confirmados 1
Casos em investigação 5
Caso investigados e com inviabilidade para análise 3
Total de casos notificados 9

Os nove casos investigados são de Natal (7), São Gonçalo do Amarante e Parnamirim.

Linhagens distintas

As linhagens distintas do vírus detectadas na paciente potiguar estão em circulação no Brasil, segundo a Sesap, que se baseia em estudos realizados por unidades de pesquisa nacionais.

A pasta avalia que essa identificação vai permitir compreender a cepa viral que circula no RN e na PB como forma de estabelecer medidas de vigilância epidemiológica efetivas contra a Covid-19.

Com isso, a secretaria reforça a necessidade de que a população mantenha as medidas preventivas contra a Covid-19, inclusive para pacientes já acometidos pelo vírus, e que os profissionais de saúde mantenham o uso correto de EPIs.

Ele1 - Criar site de notícias