Rádio Atalaia FM
Sábado, 06 de Junho de 2020
82991770741
ALAGOAS FISCALIZAÇAO

Polícia Civil aumenta fiscalização do cumprimento do decreto emergencial na capital alagoana

Polícia Civil aumenta fiscalização do cumprimento do decreto emergencial na capital alagoana

19/05/2020 19h00
3.709
Por: ADMINISTRADOR Fonte: Agência Alagoas
REPRODUÇAO
REPRODUÇAO

A Polícia Civil de Alagoas intensificou o trabalho de fiscalização do cumprimento do Decreto Emergencial com vistas a evitar o avanço da pandemia do novo coronavírus. Equipes da Operação Policial Litorânea Integrada (OPLIT), do Tático Integrado de Grupos de Resgate Especial (Tigre) DEIC e da Asfixia estão atuando em diversos bairros de Maceió.

O objetivo do trabalho também é o de conscientizar a população para a importância de seguir as normas estabelecidas no Decreto Emergencial. Para isso, a Polícia Civil realizou, nessa segunda-feira (18), mais uma operação. Desta vez os policiais se concentraram no bairro Clima Bom e adjacências. O trabalho, que começou à tarde, se estendeu até o início da noite.

 No último sábado (16), as equipes da PC também estiveram na parte alta da capital, na área do complexo do bairro do Benedito Bentes, em Maceió.

As ações cumprem determinação do secretário de Segurança Pública, Lima Júnior, e do delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira, e fiscalizam o uso obrigatório de máscaras em vias públicas por todos os cidadãos; verifica se nos pontos de ônibus está sendo evitado aglomerações e se no interior dos coletivos os passageiros estão com máscaras e sentados, de acordo com as normas definidas.

Também há fiscalização nos estabelecimentos comerciais que estão autorizados a funcionar, verificando e orientando, entre outros aspectos, quanto a capacidade de ocupação. E ainda verificam e fiscalizam o acesso às praças e alamedas (sendo proibido a prática de caminhada, dentre outras atividades físicas e aglomerações).

De acordo com o agente de Polícia Civil, Alfredo Presser, que coordenou as duas ações recentemente, as operações visam, também, incentivar as pessoas a cumprirem o decreto visando o bem comum.

*Redação Alagoas Alerta com Agência Alagoas

Ele1 - Criar site de notícias