Rádio Atalaia FM
ALAGOAS MOTOS
ALAGOAS MOTOS
ARAPIRACA DA SORTE
NOVA GOVERNO BANNER
AVANÇO NO ESTADO

Governador do Estado afirma que duas importantes obras serão entregues no 1º semestre de 2020; confira

Obras foram visitadas nesta terça-feira (5) pelo governador Renan Filho, secretários estaduais e representantes do setor produtivo alagoano

05/11/2019 20h35
Por: ADMINISTRADOR
Fonte: Agência Alagoas
3.591
AVANÇOS ALAGOAS
AVANÇOS ALAGOAS

O governador Renan Filho, secretários estaduais e representantes do setor produtivo alagoano visitaram, nesta terça-feira (5), as obras de construção do Viaduto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Hospital Metropolitano, ambos localizados no bairro do Tabuleiro do Martins, em Maceió. A previsão é de que os equipamentos sejam concluídos e entregues à população no primeiro semestre de 2020.

“São duas obras muito importantes e fundamentais para o desenvolvimento do estado. No primeiro semestre de 2020, teremos dois sonhos realizados: a entrega do Hospital Metropolitano e do Viaduto da PRF”, afirmou Renan Filho, durante entrevista coletiva.

A construção do Viaduto da PRF e de passagens inferiores, no entroncamento da BR-104 com a BR-316, é executada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand), com recursos federais da ordem de R$ 77,5 milhões.

“É a obra viária mais importante de Maceió, porque beneficia a porta de entrada da capital, principalmente para quem vem do aeroporto e do interior do estado”, avaliou o secretário de Estado do Transporte e do Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral.

Atualmente trabalham na obra 163 operários. O número vai chegar a 500 a partir de fevereiro, quando os serviços entram na reta final.

“Você ter um empreendimento que investe R$ 77,5 milhões e ainda reverte boa parte disso em salários, é fundamental para a dinamização da nossa economia. São obras assim que o Brasil precisa”, afirmou o governador de Alagoas.

A construção do Viaduto da PRF encontra-se com 56% dos serviços executados e vai eliminar um dos maiores gargalos do trânsito da capital. “Cada vez que você faz o cidadão ganhar 10, 15, 20 minutos diariamente, isso tem um impacto muito positivo na qualidade de vida da população. É fundamental agilizar os caminhos e aproximar os destinos”, acrescentou.

Após a inspeção ao viaduto da PRF, a comitiva seguiu para o Hospital Metropolitano. Noventa por cento das obras já foram executadas.

“Estamos mudando a realidade da saúde pública de Alagoas, trazendo benefícios e dividindo a responsabilidade do HGE (Hospital Geral do Estado), que já não comportava mais ser a única porta aberta de emergência, urgência e de cirurgias eletivas. Com a chegada das UPAS - já temos três na capital e vamos entregar mais duas - a ideia é ter uma rede de urgência equilibrada. Todo o serviço de cirurgias eletivas será trazido aqui para o Hospital Metropolitano. Com essa organização e divisão, teremos uma saúde mais rápida, resolutiva e mais próxima do cidadão”, explicou o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres.

Com 180 leitos, seis pavimentos e 15 alas, o Hospital Metropolitano terá capacidade para realizar 10.300 atendimentos mensais, beneficiando moradores da parte alta de Maceió, da Zona da Mata e das regiões Metropolitana e Norte. O investimento é de R$ 80 milhões, recursos próprios do Governo do Estado.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Alagoas (Fiea), José Carlos Lyra, acompanhou as visitas. Ele parabenizou o governador pela construção dos cinco hospitais em Alagoas, dois na capital (Metropolitano e da Mulher) e três regionais: em Porto Calvo, União dos Palmares e Delmiro Gouveia.

“A construção dos hospitais pelo Governo do Estado muda o perfil da saúde de Alagoas. Nós teremos uma saúde de primeiro mundo”, declarou José Carlos Lyra.

O secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, e o diretor-presidente do DER, Hélder Gazzaneo, acompanharam as visitas nesta terça-feira.

*Redação Alagoas Alerta com Agência Alagoas

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários