Rádio Atalaia FM
ALAGOAS MOTOS
ARAPIRACA DA SORTE
ALAGOAS MOTOS
NOVA GOVERNO BANNER
AVANÇO NO ESTADO

‘Sistema Eletrônico revolucionou a tramitação de processos no Executivo alagoano’, afirma Fabrício Marques

‘Sistema Eletrônico revolucionou a tramitação de processos no Executivo alagoano’, afirma Fabrício Marques

28/10/2019 10h31
Por: ADMINISTRADOR
Fonte: alagoasalerta
1.657
EXCLUSIVO ENTREVISTA
EXCLUSIVO ENTREVISTA

Em entrevista exclusiva concedida ao portal Alagoas Alerta, o secretário de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques, disse que o Governo de Alagoas tem feito um trabalho muito significativo, propondo ações e desenvolvendo atividades importantes para todo o Estado. Ele destacou que no âmbito do Planejamento e Gestão, a implementação do Sistema Eletrônico de Informações, o SEI,  revolucionou a tramitação de processos dentro do Executivo alagoano.

“Antes, pilhas e pilhas de papel eram vistas nas secretárias e órgãos – além da demora no trâmite processual –, agora os servidores conseguem fazer tudo de forma virtual, contribuindo não só com a redução de custos para a máquina pública, mas, também, para o meio ambiente”, assinalou ele.

Nessa entrevista Fabrício Marques também falou sobre diversas ações da Secretaria. Dentre elas, o trabalho na área da folha de pagamento, realizando auditorias e análises detalhadas para que não houvesse nenhum tipo de falha no processo de pagamento dos servidores estaduais, bem como no sistema de folha do Estado.  Segundo ele, esse trabalho gerou uma economia significativa para o Executivo, uma vez que se pôde identificar diversas falhas que logo foram corrigidas e sanadas.

 

Leia na íntegra a entrevista do o secretário Fabrício Marques e saiba o que ele está fazendo por Alagoas

1 - Alagoas Alerta - Quais projetos e obras o senhor destacaria em termos de avanço para o Estado de Alagoas neste período como secretário?

Fabrício Marques: O Governo de Alagoas tem feito um trabalho muito significativo, propondo ações e desenvolvendo atividades importantes para todo o Estado. No âmbito do Planejamento e Gestão, destaco a implementação do Sistema Eletrônico de Informações, o SEI, que revolucionou a tramitação de processos dentro do Executivo alagoano. Antes, pilhas e pilhas de papel eram vistas nas secretárias e órgãos – além da demora no trâmite processual –, agora os servidores conseguem fazer tudo de forma virtual, contribuindo não só com a redução de custos para a máquina pública, mas, também, para o meio ambiente.

Fizemos um trabalho muito importante na área da folha de pagamento, realizando auditorias e análises detalhadas para que não houvesse nenhum tipo de falha no processo de pagamento dos servidores estaduais, bem como no sistema de folha do Estado.  Esse trabalho gerou uma economia significativa para o Executivo, uma vez que pudemos identificar diversas falhas que logo foram corrigidas e sanadas. Vale ressaltar que, mesmo diante do cenário de crise que todo o País passa atualmente, Alagoas segue sendo uma das poucas federações que paga em dia e que não parcela salário de seus colaboradores.

Falando de pessoas, não posso deixar de falar sobre os concursos públicos que fizemos nos últimos dois anos. Fizemos certames para Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Secretaria de Educação, e autorizamos outros, a exemplo do da Controladoria Geral do Estado, Secretaria da Fazenda e, também, os processos seletivos para a área de Saúde.

Também podemos destacar a interiorização dos serviços públicos, com a expansão das unidades do Já!, que são centrais de atendimento integradas com diversos órgãos. Fizemos reformas em algumas e expandimos o alcance de atendimento que tínhamos no Estado. Para se ter uma ideia, dobramos o número de atendimentos realizados. A expectativa é que, no fim deste ano, iremos alcançar 850 mil atendimentos. Esse número é significativo e mostra o quanto o Governo tem estado mais próximo dos alagoanos.

Entre outros destaques, acreditamos que o recadastramento dos servidores do estado, bem como todo o trabalho voltado para transformação digital, têm sido pontos importantes para pontuar.

2 - Alagoas Alerta -     Sabemos que o desemprego é uma mácula em várias capitais brasileiras. O que o senhor tem feito para o Estado de Alagoas avançar na geração de emprego e renda?

Fabrício Marques: De fato, com a acentuação da crise econômica brasileira, a geração de empregos tem sido um dos grandes desafios para os estados. Alagoas tem procurado melhorar sua posição no Nordeste, atraindo empresas e fomentando a geração de postos de trabalhos.  Um bom reflexo disso é que, recentemente, Alagoas foi reconhecida no Ranking de Competitividade dos Estados.

O Estado subiu duas posições em relação a 2018 e, em 2019, alcançamos a 14ª posição do Ranking. Este resultado é um sinal que estamos no caminho correto para conseguir potencializar ainda mais a competitividade local frente às demais federações, atraindo investimentos que contribuam com a geração de empregos no Estado.

3 - Alagoas Alerta -     Quais ações e obras o Governo do Estado tem realizado de essencial no setor de Planejamento, Gestão e Patrimônio?

Fabrício Marques: Temos buscado fazer de Alagoas um estado mais inovador e pautado em temas que estejam sendo discutidos no cenário nacional.  Entregamos recentemente um Plano Plurianual para a Assembleia Legislativa que está interligado justamente com áreas importantes de desenvolvimento e, principalmente, que está alinhado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), que traçam um plano de ação para áreas consideradas cruciais à humanidade e ao planeta. Isso é importante para o Planejamento do Estado, tendo em vista que, agora, vamos trabalhar em áreas prioritárias para o desenvolvimento humano e, consequentemente, para o Estado.

Além disso, o incentivo à inovação dentro da gestão pública torna-se, cada vez mais, um elemento presente aqui no Estado. Estamos provocando e inserindo a discussão sobre a transformação digital nos órgãos e isso será muito importante e eficaz para darmos a virada de chave que o serviço público quer alcançar.

4 - Alagoas Alerta - Sobre as eleições de 2020, quais os planos para o Estado de Alagoas?

Fabrício Marques: O mandato da atual gestão que está a frente do Executivo vai até 2022, conforme registro feito no Tribunal Regional Eleitoral.  Existe, é claro, uma lógica política, mas entende-se que o Governo tem o papel de fomentar melhorias e propor políticas públicas que possam contribuir com os municípios, independente de qualquer questão eleitoreira.

5 - Alagoas Alerta -     Por fim, o que o povo de Alagoas deve esperar do secretário Fabrício Marques Santos?

Fabrício Marques: Tenho trabalhado de maneira firme para garantir que Alagoas consiga alcançar melhores resultados e, principalmente, que a gestão pública seja fortalecida. Acredito muito no poder transformador do serviço público e é por meio dele que tenho procurado fomentar as melhores ações e ideias em prol do povo alagoano. Temos um caminho longo a percorrer, mas, enquanto estiver por aqui – a frente de uma pasta tão importante como a Seplag – tentarei contribuir para que Alagoas avance ainda mais.

*Marcos Jorge Santos/Alagoas Alerta

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários